Menina violenta seus cachorros com brinquedos eróticos

Uma jovem, de apenas 23 anos, foi denunciada hoje por violentar e usar brinquedos eróticos em seus animais de estimação.

A denuncia partiu da prima da acusada.”Não aguentava mais ver aquilo e decidi denunciar. Ela se exibia para gente e ainda dizia que era prazeroso”, afirmou Camila, prima da acusada.

 

Segundo a polícia isso não é de agora, a jovem já estava cometendo os atos há algum tempo.

Ao depor, Suzane afirma que os animais eram a família dela, e que não havia nada de mais em dar prazer para os “bichinhos”.

 

Ela não sentia nenhum tipo de arrependimento ou remorso, características que são frequentes em pessoas com desvio psicológicos.

 

Ao interrogar a jovem, o delegado a encaminhou para um acompanhamento psicológico, apesar dela demonstrar ter total consciência do que estava fazendo.

 

Além de usar brinquedos eróticos nos animais, Suzane forçava os animais a lamber suas partes intimas, o que caracteriza um ato sexual.

 

Os pais de Suzane ao saberem da historia afirmaram que ela sempre gostou de aventuras e nunca foi muito ajuizadas. O que acontece é que os animais não podem sofrer por uma inconsequente.

 

Precisamos acabar com esse tipo de situação de uma vez por todas. Os animais não podem pagar pelos erros dos outros.

Protetores dos animais lançaram uma petição para que o caso dessa jovem seja levado a sério pelas autoridades. Como é de costume no Brasil ela simplesmente foi liberara após dar depoimento.

 

Esse caso tem que ser julgado de acordo com sua gravidade e violentar deveria ser crime, não importa se é uma pessoa ou um animal.

Até quando vamos nos acovardar diante de situações como essas? Apoie assinando essa petição.

 

 

ASSINE AQUI A PETIÇÃO e compartilhe para que ela pague pelo o que fez.