Jogador quebra mandíbula do cachorrinho e causa revolta

O jogador de futebol, Breck Ruddick, foi afastado do time após quebrar a mandíbula de um cachorro. O atleta estava cuidando do animal para uma amiga e o agrediu.

 

As acusações contra Ruddick foram feitas em um post no Facebook por Shelby Filbeck, uma amiga da dona do animal. Ela disse que a amiga confiou Luca, um cão da raça Australian Shepperd, ao jogador.

 

“Ele era alguém em quem ela confiava, que já conhecia o animal. Ela nunca esperou que isso aconteceria.” afirmou a moça. Por isso é importante tomar cuidado, os maus tratos podem vir de quem a gente menos imagina.

 

O jogador deixou o cão sangrando na rua

Ainda segundo o relato da jovem, após a agressão, Breck deixou o cãozinho na rua e o deixou fugir sangrando muito. O jogador, então, disse à dona do animal, Katie Riggs, que Luca havia apenas fugido. Katie passou a noite procurando pelo cachorro.

 

No dia seguinte, foi informada que o cão foi encontrado coberto de sangue e os danos eram muito graves. Sua mandíbula foi muito danificada, teve 6 dentes arrancados e não pode se alimentar normalmente.

 

Eu amo o meu cachorro mais do que qualquer coisa no mundo e eu não posso nem imaginar o que Katie está passando. Nenhum animal merece ser tratado desta maneira. Nos ajuda a fazer justiça e assine a petição.

 

Petição – Ajude a fazer justiça

Após o post de Shelby, uma petição online exigindo a remoção de Ruddick do time de Missouri foi criada. Mais de 16 mil pessoas já assinaram.

 

 

Isso é um absurdo, não vamos deixar que a fama e o dinheiro do jogador deixe ele impune, assine a petição para fazer com que ele pague.

 

Compartilhe para que mais pessoas nos ajudem, diga não aos maus tratos contra animais.